quinta-feira, 6 de março de 2014

Para Assistir: Kinsey - Vamos Falar de Sexo


NOSSA, QUE FILME NECESSÁRIO. 
Só pelo fato de contar a história desse homem incrível, a frente do seu tempo, o filme já ganha em muito, mas a obra conta também com um bom elenco e todo aparato gráfico que  Hollywood oferece. Resumindo um filme impecável.

Alfred Charles Kinsey foi um desses homens que ajudaram a mudar a história do mundo, assim como Einstein fez pela física, Galileu pela astronomia, Darwin pela origem dos seres humanos e biologia, e assim vai. Homens que existiram e fizeram a diferença, agindo de verdade, com sabedoria, sabedoria essa que correram contra tudo e todos para buscar, são esses os homens que dividem o tempo em antes e depois, e nosso HERÓI de hoje foi um desses: KINSEY



Sempre foi um amante da natureza e como é dela que aprendemos os maiores ensinamentos, Charles, pesquisador de vespas, descobriu algo que mudou seu foco de pesquisa, com as vespas descobriu que todos os seres da terra são diferentes e que a diferença assim então é uma condição natural e a aceitação do próximo é obrigatório e simples, tudo isso porque catalogou 500.000 vespas e reparou que o desenho de suas costas eram diferentes entre todas elas. Fantástico não?

Mas sua contribuição para a humanidade não está ai, foi quando Charles Kinsey começou a pesquisar sexualidade que tudo começou a mudar, em 1948 lançou seu primeiro livro sobre sexualidade do homem, o livro não foi só um dos primeiros livros sobre sexo da América mas sim uma revolução em páginas. Com uma sociedade completamente alienada sobre o assunto pelos seus preconceitos e tradições religiosas que prezam pela ignorância, o livro lançou temas que as pessoas desconheciam ou até mesmo escondiam, como a homossexualidade, masturbação, fetiches e coisas que até hoje em dia não se falam sobre, o livro surpreendentemente foi um sucesso comercial sendo na época o livro científico mais vendido, também causou verdadeiro HORROR  na sociedade hipócrita, por mais forte que o livro fosse, muito daquelas coisas as pessoas faziam, escondida, mas faziam e esse foi o ponto forte do livro joga na cara das pessoas as coisas que elas fazem escondidas, mas que escondem da sociedade, e claro gerou revolta. A VERDADE DOÍ.

Todo esse bafafá e sucesso impulsionou o trabalho de Kinsey que começou uma verdadeira turnê pelo EUA entrevistando todo tipo de pessoa, e assim lançando seu segundo livro ainda mais polêmico, porque agora falava da sexualidade das mulheres, que naquela época eram esposas angelicais e intocáveis (só que não),
o livro sobre sexualidade da mulher mostrava a realidade que a mulher traia, se masturbava, tinha relações homossexuais e tudo mais, ai o escritor começa a enfrentar processos, falta de patrocínio, perseguição, mas como em toda história feliz ele consegue se reerguer, fazendo projetos mais ousados e REAIS.

CONSIDERADO O PAI DA SEXOLOGIA, DO MOVIMENTO DE REVOLUÇÃO SEXUAIS, UM DOS QUE MAIS AJUDOU NO MOVIMENTO LGBT, SENDO  O PIONEIRO NO QUE SE DIZ RESPEITO SEXO, FORAM CRIADO VÁRIOS INSTITUTOS DE PESQUISA COM SEU NOME E HOJE É CONSIDERADO UM DOS MAIORES CIENTISTA DE TODOS OS TEMPOS.

Falei tanto do Kinsey como pessoas que esqueci do filme, mas como o filme é bibliográfico e a interpretação desse gênio está nas mãos de Liam Neeson eu não preciso dizer mais nada. Vou inaugurar hoje o meu sistema de notas *O* (1 A 6), e vou deixar uns links pra quem quiser pesquisar mais sobre ele, e quem não quiser pesquise mesmo assim e evolua.

NOTA: 4 TOTOROS





LINKS
IMDb: Kinsey - vamos falar sobre sexo

TRABALHO DE ALFRED CHARLES KINSEY

Filme wikipédia português 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poderá Também Gostar De:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...